Semana Mundial do Aleitamento Materno: Enfermeiros Amigos dos Bebés

Em 1992, a Organização Mundial de Saúde e a Unicef lançaram um programa de promoção de aleitamento materno. Nesse ano, foi criada uma comissão, em Portugal, que tinha como objectivo angariar hospitais que apoiassem essa iniciativa.

O Hospital Garcia de Horta é um desses hospitais, designado “amigo dos bebés”. Foi o primeiro em Portugal a ter esta designação, e por isso segue as 10 medidas implementadas. Uma delas, por exemplo, é permitir o alojamento conjunto, ou seja, as mães e os bebés ficam 24 sob 24 horas juntos.

Desde o nascimento do filho, a mãe passa por um processo de aprendizagem. Terá de conhecer e compreender a linguagem do recém-nascido, e por isso, a orientação das enfermeiras é uma grande ajuda.

Mas tudo começa antes do parto…

Este hospital promove cursos de amamentação, onde são explicadas as técnicas e as vantagens. As acções de formação são administrados pelas enfermeiras do serviço de puérperas, e têm a duração de 8 horas. De acordo com a Enfermeira Helena Marchão, Especialista em Saúde Materna e Obstétrica, do Hospital Garcia de Horta, nesses cursos são abordados vários temas, como por exemplo, a “fisiologia da amamentação e de aleitação, a avaliação de uma má pega e boa pega, as dificuldades relacionadas com a mãe e com o recém-nascido e o uso das bombas eléctricas para extracção de leite materno”.

No pós parto, são reforçados estes ensinos e são postas em prática as técnicas. Muitas vezes, é nesta altura, que as mães se deparam com algumas dificuldades, ou com situações que não coincidem com o que idealizaram.
O período de internamento é muito curto, mas o trabalho das Enfermeiras recai essencialmente no ensino, para garantir que as mães, em casa, estarão autónomas e capacitadas para qualquer contrariedade. É, por isso, essencial envolver toda a família. Os pais, por exemplo, são muito importantes na amamentação, e são feitos alguns ensinos na presença deles, para que, cada vez mais, participem e ajudem nesta fase.

As dificuldades na amamentação podem ser várias. As profissionais de saúde adequam as técnicas a cada caso. Segundo a Enfermeira Ana Jesus, do Hospital Garcia de Horta, “por vezes, as mães passam pelo processo de descida de leite em casa, e é muito importante serem alertadas para o que vai acontecer”. Outras vezes, “é necessário desenvolver os reflexos do bebé”, e para isso, são facultadas estratégias, como o fingerfeeding ou a translactação.

Este é o caso dos bebés prematuros, que, como explica a Enfermeira Helena Marchão, ” têm reflexos descoordenados ou inexistentes, e é necessário o trabalho contínuo para os treinar a serem amamentados pela mãe”.

A técnica do copinho é outra das técnicas utilizadas no desenvolvimento das competências do recém-nascido para melhor se ajustar à mama, não introduzindo as retinas e chupetas que podem prejudicar na adaptação.

O Hospital Garcia de Horta é o único que tem bebés prematuros, de baixo peso, que ficam no ​Serviço de Obstetrícia – Internamento de Puérperas, o que requere mais apoio e mais presença por parte das Enfermeiras.

A Semana Mundial do Aleitamento Materno (SMAM) assinala-se todos os anos, em 2017 entre os dias 1 e 7 de Agosto e tem como objectivo encorajar esta prática e fomentar a saúde dos recém-nascidos de todo o mundo. Porque, na verdade, a amamentação tem várias vantagens.
De acordo com a Enfermeira Ana Jesus, reduz, por exemplo, “o risco de hemorragia no pós parto, e o risco de cancro da mama e dos ovários. Ajuda o útero a voltar ao tamanho inicial antes da gravidez, e estimula o relacionamento e a proximidade da mamã com o seu bebé”.
Para além disso, o colostro que o bebé ingere nos primeiros tempos, é muito importante para o desenvolvimento das imunidades. As características do leite da mãe têm todos os componentes para o crescimento do bebé.

Por isso, o objectivo da Organização Mundial de Saúde e da Unicef é que, os hospitais “amigos dos bebés”, continuem a capacitar as mães de recursos, para que a amamentação seja prolongada até pelo menos aos 6 meses de vida dos bebés..

Assista ao vídeo que mostra o trabalho desenvolvido pelos Enfermeiros Amigos dos Bebés. Clique aqui.

Start typing and press Enter to search